• Inicio
  • Sobre
  • Contato
  • Parceria
  • Midia Kit
  • Vídeos
  • 23 julho 2016

    Lançamento do livro A Voz que Vem do Coração

    Hey vaidosas e vaidosos! Lembram de uma resenha que fiz a um tempo atrás do livro A voz que vem do coração?


    Então a Rafa vai lançá-lo lá na bienal de São Paulo! Então pessoas lindas que moram em Sampa ou que vão está lá apenas para ir na bienal, passem para dar um mega abraço na Rafa!

    SINOPSE:
    Estudar. Ser exemplo de orgulho para os pais. Deixar seus sonhos em segredos... É assim a vida de Débora. Ela sempre foi e é a filha perfeita, que jamais decepciona ninguém. Sempre corresponde às expectativas. É como se ela vivesse sua vida sempre em piloto automático e nunca fizesse o que realmente quer. Mas o destino resolve interferir.
    Uma rua perigosa.
    Uma noite chuvosa.
    Um estranho misterioso que a fará repensar seus próprios conceitos.
    Ela se vê divida entre a razão e o coração. De um lado, a paz e a proteção que os braços de Théo lhe oferecem e do outro, as incontáveis aventuras, pernas bambas e o coração acelerado que Rus lhe proporciona.
     A VOZ QUE VEM DO CORAÇÃO é uma história sobre seguir seus sonhos, sobre viver a vida sem se importar com as consequências. Uma história que mostra que o "Felizes para sempre" é relativo, pois o importante é ser feliz... Já o tempo, não importa.


    O livro atualmente está no wattpad, e está completo! Clique aqui 


    21 julho 2016

    Resultado do SORTEIO RELÂMPAGO HDM

    Hey vaidosas e vaidosos, a dois meses atrás, no dia 12 de maio, eu inicie um sorteio.
    Caso não se lembrem PODE CLICAR AQUI!
    E hoje venho apresentar a sorteada...

    Tchan tchan tchan tchan...

     Sim a vencedora foi o número 22, que indo para o formulário, é a Natália Brenda!


    Agora é esperar ela responder o e-mail que enviei para a mesma...

    Beijos,
    Clara Pamponet 

    20 julho 2016

    O feminismo e a moda

    No dia 30 de junho eu participei da coluna da Tanise no jornal que ela é colunista de moda
    Ao se pensar em moda, podemos imaginar vestidos, sapatos, bolsas. E o que se imagina quando se pensa no feminismo? Mulheres que se vestem sem estilo? Desleixadas? Que se vestem como homens? Porém, a moda e o feminismo podem se relacionar!
    O movimento feminista surgiu na Europa em meados do século XIX, como uma consequência dos ideais propostos pela Revolução Francesa, que tinha como lema a "Igualdade, Liberdade e Fraternidade". 
    O feminismo só começou a se popularizar no mundo ocidental nas primeiras décadas do século XX, questionando o poder social, político e econômico monopolizado pelos homens. O feminismo, como muitos pensam erroneamente, não é um movimento de sexista, ou seja, que defende a figura feminino sobre o masculino, mas sim uma luta pela igualdade entre ambos os gêneros.
    O primeiro passo que foi dado para a igualdade de gênero foi o uso de calça no início do século XX. A estilista Coco Chanel foi uma das pioneiras a usar calças, e logo popularizou as calças femininas.
    A indústria da moda impõe padrões de beleza através de modelos magérrimas e roupas desconfortáveis, fazendo com que as mulheres sejam escravas de marcas caras e de padrões de beleza que as vezes não condiz com o seu tipo e corpo. Esses padrões são impostos desde a infância, quando as meninas são criadas para gostar de rosa, usar vestido e brincar com bonecas e meninos gostar de azul, usar bermudas e brincar com carrinhos.
    A feminista francesa Simone de Beauviour faz uma análise sobre isso em seu livro O Segundo Sexo - A Experiência Vivida. A autora chama esse fato de "meninos falhados" onde as crianças não têm permissão para serem meninos e afirma que a exuberância da vida é nelas barrada.

    O feminismo começa a se relacionar com a moda a partir do momento em que a mulher tem a liberdade de se vestir. Dando a liberdade de se expressar por meio das roupas. 

    Beijos,
    Clara Pamponet

    18 julho 2016

    S.O.S Cabelos: Tudo sobre o Co – wash.

    É uma técnica maravilhosa para todos os cabelos, indicada especialmente para dias quentes de verão, ou para lavar os fios após a academia ou exercícios físicos.
    Normalmente, o co-wash está relacionado às técnicas de no/low poo, e é praticado especialmente por pessoas que aderem a essas técnicas. No entanto, qualquer pessoa pode fazer lavagem com condicionador! 
    O que é co- wash?
    A técnica consiste basicamente em lavar o cabelo apenas com condicionador! Sim: simples, fácil, jovem e ousado! O condicionador, assim como o shampoo, tem agentes emolientes que são capazes de promover limpeza aos fios. Sabe aquela semaninha corrida que você tem vontade de lavar o cabelo todo santo dia? Pois é, se você lavar apenas com shampoo, vai ressecar de um jeito bem monstro. Se você lavar apenas com água, fica fedido e sujinho. A solução ideal é o co-wash. E é possível lavar os cabelos com condicionador sem deixá-los sujos ou oleosos!
    Pode ser feito com todo tipo de condicionador?
    Infelizmente, não pode! Pois as parafinas, petrolatos e silicones insolúveis grudam no fio e só saem com sulfatos fortes.
    Mesmo que você não faça low poo ou no poo, o co-wash deve ser feito com condicionador sem esses componentes, nenhum deles, porque só assim você vai promover limpeza sem acumular resíduos no hair.

    Quais os produtos recomendados?




    Quantas vezes por semana posso fazer o Co- wash?
    Isso depende muito dos seus fios e da sua rotina capilar.
    Como fazer?
    Para lavar com o condicionador, é fácil: você aplica no cabelo da mesma maneira que se usa shampoo, primeiro no couro cabeludo, até a raiz, massageando bem. Deixar agir por alguns segundinhos, sempre massageando, e depois é só enxaguar com água!

    Ps: imagens pegas no google imagens.

    Me contem se vocês já aderiram ao co- wash! Se não, vocês adeririam?
    Beijos,
    Clara Pamponet

    15 julho 2016

    Look do dia: Um porção azul

    Hey vaidosas e vaidosos! Vortei com mais look do dia uhuuu! Acho que acabei esquecendo de postar looks aqui, e o look que usei foi para o aniversário do meu primo!
    Só me lembrei de tirar as fotos a noite, isso explica a péssima qualidade e as poucas fotos...


    Espero que tenham gostado do look! Usariam? Já usaram?
    Beijos,

    Clara Pamponet